Cientista perde 11 quilos em apenas um dia

Antes de mais nada é bom deixar claro que o fato que narraremos foi feito por um profissional e sob supervisão médica e os objetivos eram científicos, então não deve ser feito em casa, pois ele passou por situações extremas que fazem muito mal ao corpo. Então vamos prosseguir.

É isso mesmo que você leu, um cientista do esporte perdeu em 24 horas um pouco mais de 11 quilos, não é notícia falsa, está no site …. Prestem atenção na notícia, ele perdeu peso, não perdeu gordura. O cientista esportivo Ross Edgley fez uma experiência em que ele tentou perder o máximo de líquido possível de seu corpo. A ideia dele é que se nosso corpo é composto em média por 70% de água, significa que se perdermos líquido nosso peso baixará.

Atletas de alguns esportes, principalmente os de luta, já fazem isso rotineiramente, pois antes das lutas é necessário ter determinado peso, mas a diferença é que esses atletas perdem peso geralmente em uma semana e não em um dia apenas.

Segundo o cientista ele queria passar a mensagem para as pessoas que vivem sofrendo com os números da balança, pois segundo ele o peso não tem a ver apenas com a gordura corporal, mas com outros fatores e que o peso pode ser flutuante.

Essa mensagem que o Ross Edgley quis passar vem de encontro com a nossa realidade em que o peso é uma preocupação na vida das pessoas, de maneira especial as mulheres, geral essa preocupação nem é tanto por causa da saúde e sim por questões estéticas.

Veja abaixo as medidas de Ross Edgley antes e depois do experimento

Antes

Braço: 45 centímetros
Cintura: 83 centímetros
Coxa: 73 centímetros
Peitoral: 114 centímetros
Peso: 94,7 kg

DEPOIS:
Braço: 35 centímetros
Cintura: 73 centímetros
Coxa: 60 centímetros
Peito: 101 centímetros
Peso: 83,4 kg

Viram que surreal as medidas mudaram em apenas um dia? O sonho de muita gente, mas como dissemos a perda foi apenas de líquido e não de gordura, tanto é assim que o próprio cientista relatou que recuperou o seu peso 2 horas depois do final do experimento.

Afinal, o que ele fez?

Como era uma experiência ele registrou tudo o que ocorreu durante esse período e vamos resumir aqui o que foi feito.
Um dos principais responsáveis pela perda de líquido foram os diuréticos utilizados por ele e a pouca ingestão de água. Nesse dia ele ingeriu apenas 100 ml de água, só que foi ao banheiro mais ou menos 20 vezes. Tudo isso graças aos diuréticos que não devem ser tomados sem prescrição médica. As pessoas que têm anorexia nervosa geralmente fazem uso de diuréticos constantemente, pois assim elas perdem líquido e perdem peso, mas isso causa muito mal á saúde.
Além de tomar pouca água e ingerir quase nada de água o cientista não consumiu carboidratos durante o dia, pois este é um dos principais responsáveis pelo ganho de peso. Ele basicamente se alimentou de proteínas e uns shakes e teve mais, ele cortou o sal de sua alimentação, então a carne que ele comeu não tinha nada de sal. O sal retem líquido e era justamente o que ele não queria, por isso se alimentou assim.
O cientista também foi correr na esteira por cerca de 45 minutos e não foi só isso, para fazer seu exercício ele usou várias camadas de roupa e por baixo enrolou ao seu corpo sacos plásticos pretos, tudo isso para que ele transpirasse o máximo possível
O Ross Edgley também fez uso da saúna para transpirar e também fez muitos banhos quentes de imersão no sal Epsom (sulfato de magnésio) que tem o poder de “sugar” o suor, ele declara que se sentia como uma lagosta sendo feita para o jantar.
Narrando assim parece ter sido algo fácil, mas provavelmente não foi, ele disse que é acostumado a fazer exercícios físicos, mas que aqueles 45 minutos de esteira foram os mais difíceis de sua vida.
Além de mostrar com sua experiência sobre as flutuações de peso podemos tirar outra lição disso tudo que a pessoa quando tem foco e determinação ela tem mais chances de alcançar seu objetivo, talvez sirva como estímulo para a perda de peso para aquelas pessoas que estão doente por causa da obesidade, claro que não com métodos assim que põe a vida em risco


fonte e imagens: dailymail

Comente com Facebook

comente