Quero mudar a cor da minha moto, o que fazer?

Você não está muito contente com a cor de sua moto ou resolveu mudar por mudar mesmo e aí, pode ou não mudar a cor da moto? Essa é uma dúvida muito recorrente entre aqueles que possuem uma motocicleta, afinal no documento do veículo consta a cor, então significa que serve para alguma coisa.

Essas são as perguntas que encontramos lá no site que provavelmente pode ser que uma delas tenha a ver com a sua:

  • “Quero mudar a cor da minha moto o que fazer?”
  • “Quanto custa para mudar cor de moto ?”
  • “Quando custa para mudar a cor da moto no documento ?”
  • “Se eu mudar a cor da minha moto de vermelho antigo, para um vermelho mais novo, eu tenho que mudar o documento”
  • “Posso mudar cor da moto de vermelho para preto?”

Sem muita enrolação vamos responder logo a sua pergunta: Pode. Você pode mudar a cor de sua motocicleta a hora que quiser. Mas é claro que há regras para isso, afinal como já dissemos logo acima, se tem no documento do veículo significa que tem um motivo.

Para mudar a cor de sua moto é necessário uma autorização prévia do Detran de seu estado. É algo muito simples, não é de graça, mas não é nenhum bicho de sete-cabeças. Isso é necessário por causa da nossa legislação de trânsito. Veja o que preconiza o artigo 98 do Código de Trânsito Brasileiro:

“Nenhum proprietário ou responsável poderá, sem prévia autorização da autoridade competente, fazer ou ordenar que sejam feitas no veículo modificações de suas características de fábrica”.

Isso significa que você não pode sair modificando itens essenciais de seu veículo sem autorização prévia do detran e a cor da moto entra entre esses itens que precisam de autorização.

Como proceder?

Antes de realizar a mudança na cor de sua moto (preste atenção, ANTES) :

  • vá até uma unidade do detran mais próxima para que seja feita a vistoria em seu veículo.
  • Solicite a “Autorização Prévia para Alteração de Características” e a autorização para o “Certificado de Segurança Veicular (CSV)“. Você deverá estar em posse dos seguintes documentos:
  • DOCUMENTOS

    CRV (Recibo de Compra/Venda) do veículo ou declaração de extravio.

  • Pessoa Física:

    Documento oficial com foto e CPF.
    Comprovante de residência.

Pessoa Jurídica:

Documento oficial com foto e CPF do representante legal;

  • Comprovante de Poderes;
  • Cartão do CNPJ.
  • Autorização do poder concedente (Quando necessário).Se For:
  • – Firma individual: Declaração de firma individual da junta comercial;
  • – Órgãos públicos, bancos, quartéis, igrejas, entidades s/ fins lucrativos, federações, clubes, etc.:trazer fotocópia autenticada da ata e estatuto, cartão do CGC ou CNPJ, original ou fotocópia autenticada ou procuração onde consta que a pessoa tem poderes p/ assinar.

Procuração:

  • Trazer a procuração, documentos acima, mais documento oficial com foto e CPF do outorgado.
  • Comparecer a uma das Unidades Credenciadas do INMETRO no Estado para realizar a inspeção do veículo e emitir o CSV;
  • Retornar ao DETRAN, onde será realizada uma nova Vistoria Veicular;

Comparecer ao Atendimento do DETRAN para finalizar o processo, com:

  • Todos os documentos já citados;
  • – CRV (Documento do Veículo) ou declaração de extravio;
  • – Certificado de Segurança Veicular (CSV);
  • – Nota fiscal das peças utilizadas;
  • Nota Fiscal do serviço quando feito por oficina autorizada ou declaração (quando feito por meios próprios), onde proprietário terá que trazer uma declaração específica com firma reconhecida se responsabilizando civil e criminalmente pelo serviço, com todos os dados do veículo e do proprietário;
  • Débitos quitados;

Cada estado pode ter suas peculiaridades, mas de forma geral esse é o procedimento padrão adotado por todos.

obs: Caso você já tenha feito a mudança na cor da moto antes de pedir essa autorização o processo será o mesmo, o que mudará será o acréscimo de uma multa por não ter seguido o protocolo.

Os valores para a mudança de cor da moto vai variar a cada ano, por isso não vale a pena colocarmos aqui, pois você poderá ler esse texto em uma ano bem diferente de quando ele foi escrito.

Sites dos detrans

Abaixo segue os links dos detrans de cada estado. Esses links explicam o procedimento adotado em cada estado:

Tell Us What You Think
0Like0Love0Haha0Wow0Sad0Angry

0 Comment

Leave a comment

shares